Symbian OS, um vovô aposentado

O Symbian OS foi um sistema operacional móvel desenvolvido pela Psion em 1997. Sucessor do Epoc16, o Symbian OS, antes chamado de Epoc32, surgiu como um sistema operacional destinado a PDAs e teve como primeiro aparelho a rodá-lo o Psion Series 5. Logo depois formou-se o Symbian Ltd, empresa desenvolvedora do Symbian OS que tinha como membros a Psion, Ericsson, Motorola e Nokia.

Primeira versão do Symbian OS

A primeira versão oficial do Symbian foi lançado em 1998, com a chegada do Symbian^1. Essa versão do sistema operacional é marcado pela criação da interface gráfica Séries 60 e UIQ, construída pela Nokia e Sony Ericsson respectivamente. Symbian^1 esteve presente nas versões 6.0 até 9.5 na versão 9.5 foi substituída por Symbian^3.

Criação e dissolução da Symbian Foundation

Em 2007, a Apple lança o iPhone. Um aparelho com tela capacitiva que apresentava uma experiência de utilização mais fluida. Em 2008 a Nokia compra a Symbian Ltd. com a intenção de melhorar e competir diretamente com o sistema Android e iOS, nasce aí o Symbian Foundation, uma organização sem fins lucrativos que tinha como objetivo disseminar o uso do sistema. A partir deste ponto o Symbian OS, passou a se chamar Symbian e teve o seu código abeto e liberado em 2010.

Nokia assume o Symbian

Com a mudança de mercado, algumas empresas que faziam parte da Symbian Foundation  deixaram a fundação e a Nokia assumiu a governança do sistema.

Nokia abandona o Symbian

Em 2011, a Nokia firmou um acordo com a Microsoft e passou a utilizar o sistema operacional da empresa em seus aparelhos. Desde a adoção do Windows Phone, a Nokia foi largando aos poucos o sistema Symbian, até fazer um pronunciamento em 2013 de que não iria mais lançar aparelhos com a plataforma.