Como navegar de forma segura mesmo em redes suspeitas

Importancia do uso de VPN e HTTPS
Publicado por Alexandre

Nos últimos anos, vimos a crescente preocupação com a segurança das informações que trocamos via Internet. Ao mesmo tempo que hackers melhoram suas habilidades em penetrar em sistemas e coletar informações valiosas dos usuários, organizações e o setor privado unem esforços para dificultar a vida dos atacantes.

Os protocolos de segurança são os grandes mocinhos nesse embate. São os responsável por criptografar os dados do usuário que trafega na Internet e garantir que apenas o destinatário daquela informação terá acesso ao conteúdo que os pacotes carregam.

Os principais protocolos de segurança

Num passado não muito distante, era comum utilizarmos protocolos como o Telnet e o HTTP. O problema desses caras era que se um agente mal intencionado estivesse no meio do caminho entre você e o site do seu banco, por exemplo, eles poderia capturar suas credenciais de acesso.

Hoje em dia, não é recomendado utilizar esses protocolos, se o objetivo for manter suas informações seguras. Como substitutos temos o SSH, HTTPS e até VPN para quem procura por proteção mesmo quando se está conectado à redes inseguras.

O SSH tem o mesmo objetivo do Telnet, permitir conexão remota. Mas a diferença está no fato de o SSH utilizar camadas de proteção que encripta os dados quando saem do computador do usuário e só são revelados quando o destinatário o recebe.

Da mesma forma funciona o HTTPS, que garante privacidade durante a navegação. Informações como senhas e pesquisas em sites de busca são ocultadas e apenas o servidor de destino saberá como desencriptar. Essa é a diferença entre HTTP e HTTPS. Não há tanta proteção no HTTP.

https é muito importante

Aplicativos populares já se preocupam com a privacidade do usuário

Aplicativos famosos disponíveis na Google Play já se preocupam com a privacidade dos usuários. O WhatsApp, por exemplo, implementou criptografia de ponta-a-ponta em 2016. E a adoção de HTTPS já é massiva em 2017.

Sites de bancos e até aplicativos de cassinos online utilizam tecnologias que protegem os dados pessoais e financeiros dos usuários durante as transações.

Inclusive, é possível forçar o uso de HTTPS em todas as páginas que você acessa pelo navegador através de um plugin disponível para Chrome e Firefox chamado HTTPS Everywhere.

A importância do uso de uma VPN

VPN quer dizer Rede Virtual Privada e é a tecnologia que permite que a gente se conecte à uma rede, mesmo quando estamos geograficamente distantes dessa rede. O interessante é que essa ponte é feita através de um túnel criptografado, isso quer dizer que mesmo se estivéssemos em uma rede insegura, a VPN nos garante toda a segurança que teríamos como se estivéssemos conectados à nossa rede do trabalho, da nossa casa ou de uma empresa que forneça serviços de VPN.

É possível criar a própria VPN em casa, contratar um serviço de terceiro – várias empresas oferecem esse serviço – e, até mesmo, usar uma serviço de VPN gratuito. Mas fique atento, serviços gratuitos de VPN são perigosos. Geralmente não passam de chamariz para que hackers consigam seus dados de forma fácil.

Entretanto, existem alguns serviços gratuitos fornecidos por empresas de renome. O navegador Opera, por exemplo, possui um serviço de VPN gratuito integrado. Não precisa de cadastro, nem existe limite de franquia. É só baixar, ativar a opção nas configurações e navegar na Internet de forma segura.

Tópicos:

, ,