Galaxy Gear 2 abandona Android e rodará o Tizen

Esqueça o Android, a Samsung está desenvolvendo um sistema operacional que pode substituir o sistema móvel da Google nos aparelhos da empresa futuramente. O Tizen, como é chamado, é um sistema ainda em desenvolvimento pela empresa sul-coreana em parceria com a Linux Foundation, que pode equipar, não só smartphones, mas tablets, smart TVs e relógios inteligentes. Quando a Google comprou a Motorola, a maioria das fabricantes de celulares se sentiu ameaçada. Não é para menos, a Google fazendo concorrência com os próprios clientes. Mas depois de anunciar a venda da Motorola à Lenovo, tudo deve voltar aos conformes. Entretanto, não a tempo de manter o Galaxy Gear 2 com o Android.

Especificações do Galaxy Gear 2

Previsto para chegar ao mercado a partir de abril, o Galaxy Gear 2 rodará o sistema Tizen OS. Contará também com um processador de 1 Ghz, 512 MB de RAM e 4 GB de armazenamento interno. O Gear 2 também terá uma bateria de 300 mAh e câmera de 2 Megapixels. Além de sensores de aceleração, batimentos cardíacos e giroscópio.