Falso intérprete do memorial de Nelson Mandela sofre de esquizofrenia

O falso intérprete acusado de inventar sinais durante o memorial de Nelson Mandela afirma sofrer esquizofrenia. Thamsanqa Jantjie disse a Associated Press que viu até anjos antarem no estádio onde o memorial era realizado, o FNB. O incrível é que ele gesticulava com tanta emoção que ninguém percebeu que ele estava inventando todos aqueles gestos. Isso prova que a maioria das pessoas, ou pelo menos todos os responsáveis pelo evento não conhecem a língua de sinais. Ele ainda afirmou que a esquizofrenia fez com ele tivesse comportamento agressivo no passado. Ainda bem que tudo acabou bem, imagina se ele agredisse algum líder ou recebesse ordens dos anjos para matar o presidente dos Estados Unidos?