Como evitar que sites usem sua máquina para minerar criptomoedas

Evitar que sites minerem Criptomoedas
Imagem: Ricardo Santos
Publicado por Redação

A malandragem é inerente ao ser humano, diria um filósofo de boteco. É dando mérito ao nobre filósofo que nos últimos meses vimos surgir na Internet websites que utilizam computadores dos visitantes para minerar criptomoedas. A malandragem traz lucro para uns e suga o desempenho da máquina de outros, além, claro, de aumentar a conta de energia no final do mês.

Tudo começou quando o Pirate Bay iniciou os experimentos com um novo recurso que poderia substituir as propagandas do site: mineração de Monero.

O problema dessa forma de rentabilizar um site é que:

  1. O desempenho da maquina cai consideravelmente, já que os websites irão utilizar muito recuro da máquina dos visitantes.
  2. Eles não informam em lugar nenhum que faz esse tipo de coisa.
  3. Quem minera criptomoeda da máquina dos visitantes pode muito bem fazer outras coisas más.

Além do Pirate Bay outros sites entraram na onda de sequestrar a máquina dos usuários para minerar criptomoedas. Alguns dos sites brasileiros que foram pegos com a boca na botija:

  • Portal Cidadão do governo do estado de São Paulo;
  • Rádio Guaíba;
  • Jornal Livre, ligado ao MBL.

Anúncio vs mineração

A mineração de criptomoeda poderia ser uma alternativa viável à exibição de anúncios, mas é necessário avisar ao usuário, limitar o consumo de CPU a um nível aceitável, além de desativar esse recurso quando o usuário utiliza um dispositivo móvel.

Mas não é o que vem acontecendo nos sites supracitados. A maioria dos usuários é pego de surpresa com o ventilador do computador trabalhando como louco enquanto tudo parece travar na máquina.

Como bloquear mineração de sites pilantras

Mas como evitar que sites mal intencionados utilizem a sua máquina para minerar criptomoedas? A resposta é bem simples: bloqueadores.

A maioria dos websites se que valem dessa prática utiliza um script chamado Coinhive. Baseado nisso um programador suíço, Rafael Keramidas, desenvolveu um plugin para Google Chrome, Opera e Firefox que bloqueia as requisições de mineração. O nome do plugin é No Coin e pode ser baixado nesse link.

No Coin para barrar a mineração

É só instalar o plugin que ele irá bloquear todas as requisições feitas pelos websites maliciosos para minerar criptomoedas na sua máquina.

Além do plugin para Google Chrome existem navegadores que já bloqueiam por padrão a mineração, como o Opera a partir da versão 50. Alguns antivírus também possuem ferramentas para o bloqueio de mineradores como o Avast.

E acredito que o Google pode, em breve, adicionar regras de rankeamento que penalizam sites que têm esse tipo de prática. Então, se acalma que a moda é passageira.

Tópicos:

,