Mark Zuckerberg entra para a política

Por -

“Eu prometo que se for eleito, removereis a opção de cutucar e todas as propagandas do Facebook, além é claro, da opção de relacionamento sério, que só será exibido para sua namorada.”

É claro que e a frase a cima jamais foi dita, mas até que atrairia a atenção dos eleitores desse jeito, caso fosse verdade. Ele faria uma propaganda tão massiva no Facebook que facilmente se elegeria para presidente #ZuckerbergPresidente.

Mas a história é outra e começa com objetivos bem menos ambicioso. O criado da maior rede social do universo, olha só que aposta, revelou ao mundo um projeto de uma associação política que visa influenciar nas leis americanas de imigração.

mark zuckerberg

Leis de imigração americana

De acordo com Zuckerberg as leis de imigração precisam mudar. Pelo visto ele tem enfrentado problemas com seus funcionários estrangeiros residentes no país. E propôs mais facilidade na obtenção da cidadania americana a pessoas que possam contribuir intelectualmente com os Estados Unidos e com as empresas que precisam desse tipo de mão de obra. Engenheiros e cientistas são os que estão no foco da organização.

Grupo FWD.us

O FWD.us, como foi batizado o grupo, também tem ideias de reformulação políticas para voltar a ter um bom crescimento econômico como reformas na educação americana, dando ênfase a matemática, engenharia, tecnologia e ciência.

O anúncio do grupo foi feito através de uma publicação no jornal Washington Post. Confira a matéria completa para entender os motivos da criação do grupo, que afirma que os Estados Unidos enfrentam problemas com a imigração, apesar de ser uma nação de imigrantes “Nós temos uma política de imigração estranho para uma nação de imigrantes. E é uma política imprópria para o mundo de hoje,” afirmou Zuckerberg.

A organização também conta com o apoio de outras empresas na área de tecnologia, que devem enfrentar os mesmos problemas que o Facebook. Entre elas estão o LinkedIn e Dropbox.


Alexandre

Estudante de engenharia, 21 anos e geminiano, um prato cheio para quem acredita nessas bobagens. Aprendi que conhecimento se obtém com a experiência, que a idade fica na cabeça e horóscopo, bom... Nunca acreditei em horóscopo. Perfil do Google+

Postagens Relacionadas