Foco da Xiaomi será o mercado indiano

Por -

Vice-presidente da Xiaomi, o brasileiro e ex-Google Hugo Marra ops… Barra, disse que a Xiaomi focará parte de sua atenção no mercado indiano. Em uma entrevista concedida ao site Quartz India, Barra disse que não abrirá apenas um escritório da empresa no país, mas sim uma empresa inteira a partir do zero. “Não é Xiaomi, nem Xiaomi Índia é Mi Índia, essa é a marca”, disse Barra em entrevista. A Xiaomi pretende abrir uma empresa do zero e não quer usar um nome difícil de pronunciar, por isso adotou um nome mais simples.

hugo barra mi xiaomi india

A Xiaomi pretende ainda lançar o seu sistema operacional próprio. Levar suas TVs ao país da vaca relax e ultrapassar os seus concorrentes em território chinês. A Mi é uma subsidiária da Xiaomi que vende cerca de 100 mil dispositivos móveis por semana na Índia.


Alexandre

Estudante de engenharia, 21 anos e geminiano, um prato cheio para quem acredita nessas bobagens. Aprendi que conhecimento se obtém com a experiência, que a idade fica na cabeça e horóscopo, bom... Nunca acreditei em horóscopo. Perfil do Google+

Postagens Relacionadas